Sentimentos Guardados

SENTIMENTOS GUARDADOS

Ela sempre ouvia dizer que ela não tinha sentimentos… mas se ela não tinha sentimentos porque que isso a machucava?
Ela era apenas uma criança sendo julgada como adulta, por pessoas que pensavam saber o que é certo.
Ela sempre foi vista como a ovelha negra da família, pelo simples fato de não gostar de todos, e muito menos de levar desaforo pra casa.
Acho que o motivo disso tudo era ela ser uma mulher, uma mulher jovem, em um mundo dominado por homens que nunca tinham sido enfrentados e nem questionados.
Sempre ia dormir chorando… ninguém se importava com ela, só se importavam com o que os outros iam pensar.
Ela acabou crescendo, toda aquela vontade de mudar o mundo foi se escondendo, mas ela prometeu pra si mesma que jamais iria chorar por pessoas que só queriam seu mal. Prometeu não desistir dos seus sonhos, e no futuro mostrar pra todos que ela conseguiu, mesmo com tantas dúvidas e dores.
Ela não chora mais por acharem que ela não tem coração, acabou percebendo que não vale a pena. Ela resolveu guardar seus sentimentos pra alguém digno de tamanha tempestade de desejos, alguém que seja tão profundo quanto ela.
Enquanto isso não acontece ela continua sendo “sem coração” pra muitos, esperando pra transbordar em alguém…

Escrito por: Paola Vitória

Anúncios

Sempre bem

Sempre bem

Poderia dizer que não estou bem, me jogar na cama e afundar em lágrimas. Às vezes precisamos passar o dia no nosso canto com a companhia apenas daquele brigadeiro ou de um pote de sorvete. Sempre tem aquele dia que tudo vai dando errado e tudo que você mais deseja é apenas que o dia acabe. Ou quem sabe sair por aí meio sem rumo apenas esperando que tudo passe. Eu poderia ficar aqui vendo a vida passar sem sair para fazê-la valer a pena. Ah, poderia deixar o destino se encarregar de fazer tudo acontecer. Mas eu não quero. Não vou me acomodar e desperdiçar a vida. Não vou ficar aqui sentada esperando que o dia acabe. Você prefere um dia a mais vívido ou um dia a menos desperdiçado? Todo dia é dia de correr atrás dos nossos sonhos. É dia que fazer acontecer, dar errado, aprender e principalmente, nunca desistir. Faça das manhas chuvosas dias de muito sol. Brilhe intensamente e faça cada minuto da sua vida valer a pena.

Escrito por: Mariana Motta – 10/06/18

Dia bom

Dia bom

Ela acordou,enrolou pra sair da cama. Se olhou no espelho… era um daqueles dias em que acorda se sentindo linda, leve e solta.
Foi sair do quarto bateu no canto da parede, sorriu e deu bom dia.
Foi andando e bateu o dedinho no sofá, deixou escapar um palavrão em meio a um sorriso bobo.
Se arrumou pra ficar em casa. Colocou um fone de ouvido e cantou (mesmo sabendo que não era muito boa nisso).
Ela acordou feliz sem motivo.
Sorrindo sem motivo.
Não teve sonhos com nenhum príncipe.
Nem recebeu mensagens de bom dia.
Só acordou feliz com o que tem…
Todos os dias deveriam ser assim. Mesmo quando tudo está contra, seja a favor de si mesma, sem machucar ninguém.

Escrito por: Paola Vitória

Estou indo embora

Estou indo embora. Não posso ficar sabendo que tenho que partir. Não posso esperar algo que nem estar por vir. Preciso correr livre e viver intensamente. Meu corpo e alma pede liberdade. Viver, sorrir e amar. Não crio raízes em lugar nenhum. Mas espalho as sementes da minha essência. Deixando um pouquinho de mim em qualquer lugar e levando comigo saudades para poder voltar.

Preciso seguir. Seguir meu coração em buscar dos meus sonhos. Preciso me arriscar em busca de todas as minhas chances. E minha carta na manga é nunca desistir. A cada passo vou seguindo minha jornada. Não se admire quando eu estiver de volta. Mas não me espere retornar. Nas andanças da vida nunca se sabe por onde vai passar até o momento certo chegar.

Estou partindo. Levando comigo cada sorriso. E deixo um pedido. Não sinta minha falta e não me peça para ficar. Estou apenas de passagem, colecionando e espalhando ensinamentos e aprendizados. Já estou seguido meu destino e desenhando minha própria história. Até a próxima volta!

Escrito por: Mariana Motta – 07.06.18

Eu acreditei

Eu acreditei

Hoje decidi não mais me importar com você. Todos os sentimentos que você desperdiçou e estão acumulados aqui vou jogar em qualquer esquina, já não me servem mais. Não me procure, pois estou partindo para recuperar as horas da minha vida que gastei com você. Não me arrependo de nada, mas levo nossa história como lição. Não preciso de nada que venha de você como me fez acreditar. Me deixei levar pelas suas palavras poéticas e me perdi no labirinto da ilusão. Talvez eu tenha sido muito ingênua. E você chegou na hora que eu me sentia mais sozinha. Aproveitou-se dos meus momentos de fraqueza e não me dei conta das suas mentiras. Eu estava feliz com você, me sentia bem e te queria por perto. O problema é que não era você. Eu acreditei em alguém que você inventou. Uma versão melhorada de você. Será que todas as suas palavras foram apenas vazias mentiras? Por um instante eu queria a certeza que existiu sentimento em você assim como existiu em mim. Acreditar que não fui apenas mais uma. E que não foi tudo mentira. Mas não me venha fingir que ainda se importa. Tentando se esconder, sua máscara caiu e eu pude ver sua pior versão.

Escrito por: Mariana Motta – 10.06.18

Sem Cor

Sem Cor

Novamente mudei
Modificada, por completa
Sem perceber onde pode ter começado tudo
Porém, notei
Que as cores do mundo mudaram.

Onde está aquela garota que deixei para trás?
Que para tudo tinha solução,
Ou um pedido de desculpa.
Que a vida sorria para ela,
Mesmo com a chuva caindo sobre sua cabeça.

O que aconteceu?
Enquanto eu estava vivendo
Por que trilhas deixei meus pedaços?
Para poder reencontrar.

Palavras sem sentido saem da minha boca,
Sorrisos sociais se formam com mais facilidade
E uma versão falsa de mim vai se formando.

As coisas pararam de ter sentido?
Ou foi só eu que cresci?

Escrito por: Hemilly Fontinele

Desenho: Larissa Lemos

Intimidade

Intimidade

Intimidade não é só sobre beijos, não é só sobre ver todos os dias.
Intimidade é assistir um filme e te ligar só pra dizer que riu de um personagem só porque me lembrou você.
É ler um livro e chorar só porque a gente já passou pela mesma coisa juntos.
É chamar por apelidos estranhos.
É acordar as 4:00h da manhã só pra mandar mensagem contando um sonho estranho.
É te dar boa noite no pensamento, só porque sente que você vai ouvir.
É ir dormir preocupada por não saber se você tá bem.
É sempre se preocupar com suas brigas de família.
É passar horas falando ao telefone quando passam muitos dias sem se ver.
É as vezes passar vergonha em público só pra te fazer rir.
Intimidade não tem nada haver com corpo, mais sim com a alma.

Escrito por: Paola Vitória

Escrever é viver, sinta-se vivo.

MELKBERG

blog de psicologia

Nesse canto

Um encontrinho com você. Bora lá?

MEUS RABISCOS

Adna Priscila, estudante de Psicologia, romântica incorrigível, apaixonada pela família, encantada pela simplicidade, amante de poesias, músicas e pessoas inteiras. Sempre me expressei melhor através das palavras escritas, então, por sugestão de uma amiga resolvi criar o blog, para assim compartilhar vivências, pensamentos e experiências .

Poesias e outras coisas

Poesias, poemas e outras coisas

CINESTALGIA

Para amantes e curiosos por cinema e televisão.

FLORESTA ESCRITA

O poder da escrita serve todos os dias de fundamento para que esse espaço seja construído como lar de infinitas histórias e estórias. VIVA PELA ARTE. Uma escritora, um pássaro ambicioso, uma atriz, uma inquieta alma, uma bailarina clássica, uma jovem por vezes desastrada, eu falo de mim assim, quero que me conheçam assim e aqui. Bem vindos ao meu jardim!